10 filmes com personagens autodestrutivas

Palavras de Cinema

São difíceis de acompanhar. As personagens e os filmes. Cada um deles oferece viagens estranhas, com sexo, violência, drogas e morte. Há casos de leveza entre tanto mal: o amor que não pode se consumir, ou o amor que se consome apesar do clima pesado.

Conhecidos e premiados, os filmes da lista abaixo carregam amargor, desesperança, e tiram um pouco da fé na humanidade. São, ainda assim, belos, questionadores, de tempos e cineastas diferentes, donos de linhas próprias. Em todos há personagens autodestrutivas que desistiram de viver ou viveram para testar limites.

Trinta Anos Esta Noite, de Louis Malle

O protagonista vaga pelas ruas, entre mulheres, amigos diferentes, vendo a vida ao mesmo tempo em que se despede dela. Deve fazer uma opção corajosa no grande drama de Malle.

trinta anos esta noite

Morte em Veneza, de Luchino Visconti

O encontro com a morte, para Gustav von Aschenbach, é também o olhar à beleza:…

Ver o post original 293 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s