José Luis Rodríguez: “Cuba no se está proponiendo un socialismo de mercado”

Uma descrição sintética e pormenorizada das reformas em Cuba. Demonstram cautela e habilidade em manejar o que está ao alcance do plano. Cientes porém, de que nem tudo está ao seu alcance. “Devagar e sempre é que se vai ao longe.”

 

José Luis Rodríguez: “Cuba no se está proponiendo un socialismo de mercado”.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s