Tereza Campello: extrema pobreza mantém trajetória de queda

Esse governo tem crédito…

Ministra apresentou dados que apontam que a miséria continua caindo no país durante audiência na Câmara dos Deputados


A política de valorização do salário mínimo, a baixa taxa de desemprego e o aumento real de 84% que o valor médio do Bolsa Família teve desde 2011 foram fatos mencionados pela ministra do Desenvolvimento Social e Combate à Fome, Tereza Campello, para reafirmar a trajetória de queda “sistemática e consistente” da extrema pobreza no país.A ministra participou de audiência pública na Câmara dos Deputados nesta quarta-feira (26) para explicar os dados da Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios (Pnad) de 2013, que apontam uma pequena variação do percentual de miseráveis entre 2012 e 2013.

“Não é possível falar em crescimento de miseráveis a partir dos dados da Pnad 2013, já que a variação está dentro da margem de erro deste indicador, que é de 0,22 pontos percentuais”, afirmou. Ela descartou que…

Ver o post original 776 mais palavras

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s